segunda-feira, 31 de outubro de 2011

31 de outubro - Dia de Halloween ou do Saci Pererê?!

Hoje comemora-se os dois dias! O de Halloween nos Estados Unidos e o dia do Saci-Pererê aqui no Brasil! 

Saci-Pererê & Halloween Pumpkins


 O Saci-pererê é um dos personagens mais populares do folclore brasileiro! Provavelmente, surgiu entre povos indígenas da região Sul do Brasil, ainda durante o período colonial (possivelmente no final do século XVIII). Nesta época, era representado por um menino indígena de cor morena e com um rabo, que vivia aprontando travessuras na floresta. Porém, ao migrar para o norte do país, o mito e o personagem sofreram modificações ao receberem influências da cultura africana. O Saci transformou-se num  jovem negro com apenas uma perna, pois, de acordo com o mito, havia perdido a outra numa luta de capoeira. Passou a ser representado usando um gorro vermelho e um cachimbo, típico da cultura africana. Até os dias atuais ele é representado desta forma. 

  O comportamento é a marca registrada deste personagem folclórico. Muito divertido e brincalhão, o saci passa todo tempo aprontando travessuras na matas e nas casas. Assusta viajantes, esconde objetos domésticos, emite ruídos, assusta cavalos e bois no pasto etc. Apesar das brincadeiras, não pratica atitudes com o objetivo de prejudicar alguém ou fazer o mal. Diz o mito que ele se desloca dentro de redemoinhos de vento, e para captura-lo é necessário jogar uma peneira sobre ele. Após o feito, deve-se tirar o gorro e prender o saci dentro de uma garrafa. Somente desta forma ele irá obedecer seu “proprietário”. Mas, de acordo com o mito, o saci não é voltado apenas para brincadeiras. Ele é um importante conhecedor das ervas da floresta, da fabricação de chás e medicamentos feitos com plantas. Ele controla e guarda os segredos e todos estes conhecimentos. Aqueles que penetram nas florestas em busca destas ervas, devem, de acordo com a mitologia, pedir sua autorização. Caso contrário, se transformará em mais uma vítima de suas travessuras. A crença neste personagem ainda é muito forte na região interior do Brasil. Em volta das fogueiras, os mais velhos contam suas experiências com o saci aos mais novos. Através da cultura oral, o mito vai se perpetuando. Porém, o personagem chegou aos grandes centros urbanos através da literatura, da televisão e das histórias em quadrinhos. 

 Quem primeiro retratou o personagem, de forma brilhante na literatura infantil, foi o escritor Monteiro Lobato. Nas histórias do Sítio do Pica-Pau Amarelo, o saci aparece constantemente. Ele vive aprontando com os personagens do sítio. A lenda se espalhou por todo o Brasil quando as histórias do escritor Monteiro Lobato ganharam as telas da televisão, transformando-se em seriado, transmitido no começo da década de 1950. Quando minha irmã e eu éramos pequenas, adorávamos ver o seriado na TV e ler as historinhas, eu achava que o tal do Saci que só tinha uma perna existia e ficava com medo quando chegava perto de alguma floresta ou bosque! Ahhh, saudades da velha infância, da nossa inocência! ;) 


 O saci também aparece em várias momentos das histórias em quadrinhos do personagem Chico Bento, de Maurício de Souza. Com o objetivo de diminuir a importância da comemoração do Halloween no Brasil, foi criado em caráter nacional, em 2005, o Dia do Saci ( 31 de outubro). Uma forma de valorizar mais o folclore nacional.


  

  Trick or treat? Doces ou travessuras?

  O Halloween (também conhecido como Dia das Bruxas) é uma contração de All Hallows Eve - véspera de todos os mortos, que é o Dia de Todos os Santos, comemorado em 01 de novembro, um dia antes do Finados. Mais popular nos países do hemisfério norte, o dia das Bruxas chegou aos Estados Unidos em 1840, por imigrantes irlandeses que fugiam das péssimas condições em que se encontrava o país.

  Apesar do aspecto meio fúnebre, dos morcegos, aranhas, bruxas, abóboras com expressões macabras, nem tudo nesta data é tão assustador assim. Pelo menos, para as crianças! É que no dias das bruxas, elas costumam brincar de “doces ou travessura”. Fantasiadas,  batem de porta em porta dizendo  a seguinte frase “doçura ou travessura?”.  Se a pessoa responder "doce", as crianças ganham balas, chocolates, pirulitos. Se responderem "travessura", as crianças pregam uma peça.

   Não curto festejar o "Dia das Bruxas", prefiro ficar com os docinhos deliciosos! Gosto é gosto, e cada um tem o seu! ;) E vocês, o que preferem???


Halloween cupcakes


Beijos temperados!

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Mini pancakes!

   Oi gente!

  Hoje o meu café-da-manhã foi especial, fiz essas mini pancakes deliciosas! Que tal aprender a prepará-las para saborear no teu breakfast ou no lanche da tarde??? Estas pequenas panquecas são ideais para os aventureiros de primeira viagem! Para acompanhar, banana com canela, tudo banhado com cranberry syrup! Hummmmm tudo de bom!





 Mini pancakes


 Para a massa: 

 150g de farinha de trigo
 01 colher (sopa) de fermento em pó
 03 pitadas de sal
 01 ovo
 150ml de leite
 30g de açúcar
 manteiga ou margarina para untar
1/2 colher (chá) de canela em pó
1/4 colher (chá) de noz moscada


 Acompanhamento de banana com canela:

 02 bananas pratas em cubos (ou 1 1/2 xícara de chá)
 1/2 colher (chá) de canela em pó
 1/4 colher (chá) de noz moscada
 1/2 xícara (chá) de açúcar
 01 colher (sopa) de manteiga ou margarina

 Para banhar: Cranberry Syrup (xarope canadense)

Este foi o que usei


Preparando a massa: peneire a farinha, o fermento, o sal, a canela e a noz moscada num bowl (tigela) grande. Junte o açúcar, misture com uma colher de pau e reserve. Em outra tigela quebre o ovo, acrescente leite e bata com um batedor manual. Despeje a mistura de leite e ovo à mistura da farinha e misture bem com uma colher de pau. Em fogo baixo, coloque em uma frigideira anti-aderente (tefal) o suficiente de manteiga para untar o fundo. Quando começar a borbulhar prepare as panquecas! Encha 1 concha pequena (dessas que usam para feijão) com a massa e despeje na frigideira. Frite as panquecas por + ou  - 1 minuto ou até a parte de baixo dourar. Frite de um lado e de outro, mas sempre com muita atenção para não queimarem. Use uma espátula para virar e retirar as panquecas. Faça o mesmo com o resto da massa. A medida que ficarem prontas, coloque-as em um prato. Em seguida prepare o acompanhamento.

Preparando o acompanhamento de banana com canela: em uma panela pequena coloque os cubos de banana, o açúcar, a canela, a noz moscada e a manteiga. Misture delicadamente com uma colher de pau e deixe cozinhar em fogo baixo por uns 2 minutos ou até que o açúcar se derreta e as bananas tomem uma cor mais acentuada que o natural. Está pronto!

Dica para servir: disponha algumas panquecas sobre um prato, coloque um pouco do acompanhamento de banana, polvilhe um pouco de canela em pó por cima e derrame um pouco do cranberry syrup por cima das panquecas! Este xarope você encontra nessas casas de produtos importados, se não encontrar, pode usar mel de abelha. Se preferir, no lugar de bananas com canela, faça maçãs com canela, fica uma delícia também! Rendem 08 panquecas.





   Beijos temperados e bom apetite!!!

  Fotos: arquivo pessoal


terça-feira, 25 de outubro de 2011

Jujubas!!!

  Jujuba - também conhecida como bala de goma faz sucesso com as crianças e com muitos adultos também! Eu adooooooro jujuba, inclusive um amigo me apelidou assim por eu gostar tanto dessa guloseima! 




  Que tal aprender a fazer jujubas coloridas e caseiras?! 

 Jujubas coloridas

 03 envelopes de gelatina sem sabor (35 gramas)
 01 caixa de gelatina com sabor (85 gramas)
 01 kg de açúcar cristal
 02 copos de água
 01 colher (sobremesa) de essência do mesmo sabor da gelatina

 Preparando as jujubas: Dissolva a gelatina sem sabor em 02 copos de água (temperatura ambiente), acrescente a gelatina com sabor e mexa até dissolver. Leve ao fogo por 01 minuto, mexendo sempre. Em seguida, acrescente o açúcar e mexa para dissolver bem. Coloque a essência e mexa até levantar fervura. Despeje a "calda" em um pirex untado com um pouco de óleo. Deixe descansar por 24 horas fora da geladeira. Corte as balas em cubinhos e passe no açúcar cristal. Guarde as balas por 03 dias antes de consumir, esse período é necessário para que a bala adquira mais consistência. Se preferir dar um formato especial às jujubas, despeje a calda em um pirex raso untado com óleo e com um aro de metal (pequeno) do formato que quiser, corte as balas. Existem vários formatos: coração, ursinho, lua, estrela, etc. 


  Ótima dica para colocar na sacola de lembrancinhas ou para enfeitar as mesas nas festas das crianças. As de coração, além de fofas, servem para decorar seu chá de panela, chá de lingerie, chá com as amigas. Podem até serem usadas como lembrancinha de casamento como muitas noivas tem aderido. Aí é só usar a criatividade e escolher a embalagem que combine com o estilo da festa, podem ser latinhas, garrafinhas, caixinhas de vidro, etc.


Jujubas de coração




Delíiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiicia! 




sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Trufas de Ovomaltine!

 Para comemorar o Dia Internacional do Chef que foi ontem, nada melhor que um doce,  melhor dizendo, uma receitinha doce! ;)

 Que tal umas trufas de Ovomaltine??? Hummmmmmmm, são uma delíiiiiiiiiicia! Anotem e façam!



 Trufas de Ovomaltine 

675g de chocolate meio amargo
330g de creme de leite fresco
45g de glucose
12ml de rum
375g de Ovomaltine 
750g de chocolate meio amargo derretido (banho-maria) para banhar
quantidade necessária de Ovomaltine para decorar 

Preparando as trufas: em banho-maria derreta o chocolate meio amargo. Em uma panela aqueça o creme de leite com a glucose e, em seguida, misture o chocolate derretido até ficar uma mistura homogênea. Adicione o rum e o Ovomaltine e misture novamente. Despeje tudo em um bowl e leve à geladeira por 4 horas para atingir consistência adequada. Retire, molde as trufas em formato de bolinhas, banhe-as no chocolate meio amargo derretido e passe pelo Ovomaltine para decorar. Se você não gostar de rum, pode trocar pelo licor de sua preferência. Rende de 90 a 100 unidades de 25g cada. Validade de 15 dias em temperatura ambiente.




  Enjoy it!!!

 Fotos: reprodução

Dia Internacional do Chef!

 Parabéns a todos os colegas Chef de Cozinha e os aspirantes a Chef!
20 de outubro - Dia Internacional do Chef de Cozinha! 

 Agradeço a Deus, por ter me dado este dom, que tenho desde pequena, embora ter descoberto anos depois que poderia levar a sério como minha profissão! 

Que Ele abençoe nossas mãos, que são nossos instrumentos de cada dia, para que possamos fazer e criar comidas gostosas, sempre! E para que possamos colher no futuro, o que plantamos no presente!


Felicidades aos Chef's do mundo inteiro! 


 E viva a cozinha internacionalllllllll!!!

Beijos temperados, Anahy

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Temperos milagrosos!


   Quer acelerar o emagrecimento??? ;)

 Então aposte no orégano, pimenta-caiena, anis-estrelado, salsa, cúrcuma e canela, estas ervas e especiarias aceleraram os resultados na balança. Elas também acrescentam sabor às saladas, sopas, chás e molhos!

 Se a dieta está lenta e sem graça, capriche no tempero! Há várias opções de ervas e especiarias que, além de deixar os pratos mais saborosos, agitam o metabolismo, aumentando a queima de gordura. Também combatem a inflamação no organismo diminuindo a resistência à perda de peso. Tem mais: quando você coloca essa turma no prato tende a usar menos sal, o que reduz a retenção de líquido – outro ponto a favor de um corpo enxuto. A nutricionista e fitoterapeuta Lucyanna Kalluf, autora do livro Fitoterapia Funcional, orienta como usá-los para deixar o cardápio mais gostoso e você feliz com o resultado da dieta!

 Vamos aprender como usá-los?!

  Orégano



 Tem o poder de estimular a produção de enzimas responsáveis pela digestão dos carboidratos (pão, batata, pizza...), além de funcionar como um tônico digestivo. Também é antioxidante e levemente diurético. Sugestão de uso: pode ser polvilhado em massa, molho, sopa. Também dá para acrescentar no suco: bata 1 colher (chá) de orégano com 1 copo/200 ml de melancia ou fazer o chá: ferva 1 copo/200 ml de água e junte 1 colher (café) de orégano. Deixe descansar por 5 minutos e coe.



 Pimenta-caiena






 Supera a pimenta vermelha em capsaicina – substância que sacia, agita o metabolismo e melhora a circulação. Ou seja, a caiena reduz a fome, acelera a queima de calorias e ajuda a eliminar toxinas. Tem ação antioxidante e anti-inflamatória. Sugestões de uso:  dilua 1/2 colher (café) de pimenta-caiena em pó em 1 colher (sopa) de azeite para temperar a salada. No suco, misture água de coco (200 ml), suco de 1 limão, 2 colher (chá) de mel e 1/2 colher (café) de caiena.


 Anis-Estrelado







 Mesmo comendo pouco, você sente o estômago pesado? Isso complica qualquer dieta, mas o anis pode ser um aliado. Com substâncias que estimulam as glândulas e a musculatura do tubo digestivo, ele aumenta a produção de saliva e os movimentos peristálticos,  aliviando o peso no estômago. Sugestão de uso:  prepare um chá com erva-doce, gengibre, camomila  e hortelã. Coe e acrescente 1 anis-estrelado. Beba 15 minutos antes das refeições.


Salsa







 Tem efeito diurético (especialmente na forma de chá), ajudando a reduzir a formação de gases e o inchaço abdominal. Ainda contém substâncias que favorecem a digestão, limpam o fígado e livram o organismo das toxinas. Sugestão de uso: suco desintoxicante feito com 1 xíc. de chá de hibiscus: use 2 colheres (chá) da erva, 1 maçã pequena e 1 colher (sobremesa) de salsa picada. Bata no liquidificador e adoce com mel. Ou, simplesmente, polvilhe a salsa na omelete, na salada,  na sopa.


 Cúrcuma






 Essa raiz (conhecida como açafrão-da-terra) diminui a irrigação sanguínea no tecido adiposo, enfraquecendo a reserva de gordura. E, por ser rica  em curcumina – pigmento amarelo-ouro com alto poder anti-inflamatório e antioxidante –, faz bem para a pele, protege o fígado, facilita a digestão das proteínas e regula o metabolismo. Sugestão de uso: polvilhe 1 colher (chá) de cúrcuma em pó na comida pronta ou dissolva-a em 1 colher (sopa) de azeite para temperar a salada.


 Canela






 Capaz de amansar a fome, especialmente por doce, ajuda você consumir menos calorias ao longo do dia. Já as substâncias antioxidantes e anti-inflamatórias da canela melhoram o metabolismo da gordura. Também reduz os níveis de insulina – hormônio que, em excesso, aumenta a gordura no abdômen. Sugestão de uso: faça uma 1 xíc. de chá de maçã com canela em pau e beba 15 minutos antes das refeições. No café da manhã, polvilhe 1 colher (café) de canela em pó no leite desnatado ou de soja. 


 Gostou das dicas?! Então que tal acrescentar estas especiarias nos teus pratos do dia-a-dia?!




 Bjus temperados!


segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Wrap mexicano!


 Se você gosta de comidas apimentadas, que tal fazer este wrap mexicano?! Prepare em casa este delicioso e versátil wrap, que em geral, tem feito sucesso nas lanchonetes e experimente ousar nos recheios, que são pra lá de saborosos. Use o pão folha ou tortilha. 

 Vamos lá! 

Wraps com recheios variados


Eu indico o Rap 10, é  bom e prático


 Wrap mexicano

10 pão folha ou tortilha (use o Rap 10, tem normal, light, integral)
200g de frango cozido e desfiado (ou em cubos) temperado com sal
10 fatias de queijo cheddar processado
folhas de alface americana cortada em tiras finas


Molho de tomate mexicano

01 dente de alho
azeite de oliva
01 lata de tomate pelado
sal a gosto
01 colher (sopa) orégano
01 pitada de açúcar
pimenta chili ou tabasco a gosto
02 tomates cortados em cubos 

Preparando o molho de tomate mexicano: em uma frigideira refogue 1 dente de alho em um fio de azeite até começar a soltar o aroma, 1 lata de tomate pelado, sal a gosto1 colher de sopa de orégano1 pitada de açúcar para quebrar a acidez e pimenta o quanto você achar que aguenta. O gostoso é usar chilli em pó, mas você pode usar tabasco. Em fogo baixo, conte mais 5 minutos após começar a borbulhar e na metade desse tempo acrescente os 2 tomates cortados em cubos. É rápido, pois a idéia é que dê para identificar os pedaços do tomate.

Preparando o wrap: em uma frigideira ou chapa (sem óleo), aqueça o pão folha ou tortilha aproximadamente por 30 segundos de cada lado. Não deixe que resseque para não perder a maleabilidade. Coloque-a sobre um prato e recheie com o queijo cheddar processado (1 ou 2 colheres de sopa) e 2 colheres (sopa) do frango desfiado. Em seguida acrescente um pouco do molho de tomate mexicano e a alface em tirinhas, deixando sempre alguns centímetros da extremidade do início da tortilha e alguns centímetros antes da extremidade oposta - sem recheio, para que na hora de enrolar não vire uma lambança. Enrole o wrap delicadamente, e caso prefira, corte em 2 partes fazendo um corte na diagonal e sirva. Faça o mesmo procedimento com todas as folhas de pão ou tortilha restantes.

Inove nos recheios! Fica uma delíiiiiiiiiicia!



Bom apetite! 


Fotos: reprodução e arquivo pessoal

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Feliz Dia das Crianças!


  Hoje é um dia muito especial em nosso país. Dia da padroeira do Brasil, Nossa Senhora de Aparecida e o Dia das Crianças! Comemoração dupla! 


Bebês fofos!
                       
  

 "Ser criança é sempre ver o lado positivo da vida.
É ter a imaginação fértil, gostar de ver TV, correr, brincar, dançar! Ser criança é não se preocupar com o dia seguinte, é não ter contas para pagar. Ser criança é criar um mundo só seu, sem defeitos, com muitos doce e bichinhos de estimação. Ser criança é chegar do colégio e jogar as meias e a mochila em qualquer lugar e não se importar muito com a bronca dos pais. Ser criança é comer pipoca, é levantar tarde, é lambuzar a cara comendo chocolate, é tirar meleca do nariz sem se importar com ninguém, é falar errado, é rir, rir alto, é cantar, é ver o céu sempre azul, é estar sempre com as roupas sujas, é querer comer sempre no McDonald´s, é viver cada minutinho de sua vida aproveitando o que ela tem de melhor. Ser criança é ter medo do bicho-papão, é correr brincando de pique-esconde e se esconder atrás das portas, é pular amarelinha, é esperar pelo presente do Papai Noel... ser criança, é uma brincadeira sem fim. Ser criança, é depois de um dia atarefado, deitar no colinho do papai e da mamãe e dormir como um anjinho, tendo a certeza de que eles sempre estarão ali do seu lado, para protegê-la e amá-la e acreditar que o outro dia será sempre melhor que o anterior."


  Uma homenagem às crianças do mundo inteiro!


   Que Deus e Nossa Senhora de Aparecida abençoem sempre as crianças, não só do nosso Brasil, mas as do mundo inteiro e principalmente aquelas que mais precisam de carinho, de um lar, de uma família!

 Feliz Dia das Crianças! E que Nossa Senhora de Aparecida continue abençoando este nosso Brasil!




 Fotos: reprodução e arquivo pessoal

terça-feira, 11 de outubro de 2011

Batata assada recheada!

   
  Sabe aquela batata assada recheada que comemos naqueles restaurantes típicos americanos?! Nham nhammmm! Eu adoooooooooro e sei que a maioria de vocês também gostam!

Batata assada recheada



  Para comer "sem culpa", somente a batata com um prato principal (batata grande), a batata como entrada (se for média) ou servindo de acompanhamento! Só de pensar dá água na boca, eu adoro comer com uma costela de porco assada ao molho barbecue! Hummmmm delícia!!!


Costela de porco assada ao barbecue
  
 Vamos aprender a fazer a batata?!




 Batata assada recheada


04 batatas grandes
04 colheres (chá) de azeite de oliva
06 colheres (sopa) de requeijão ou queijo cremoso
04 colheres (sopa) de ricota peneirada
200g de brócolis cozido ao vapor (somente as flores picadinhas)
sal e pimenta moída a gosto


Preparando as batatas: Misture o requeijão, a ricota, o brócolis, pimenta e sal, e reserve. Lave bem as batatas com casca. Com um garfo, faça furos por toda a superfície. Unte-as com o azeite e asse diretamente sobre a grelha do forno ou sobre um tabuleiro, em forno preaquecido até ficarem macias. Retire do forno e corte no sentido do comprimento da batata, fazendo um corte em forma de uma cruaz, deixando um pedaço de cada lado sem cortar. Com um papel toalha em cada uma das mãos, segure as pontas das batatas e aperte-as suavemente, isso fará com que as batatas se abram facilitando o recheio. Recheie com a mistura reservada acima e sirva! Rende 04 porções. Sugestão de recheios: queijo cheddar com bacon fritos em cubinhos, strogonoff de carne ou com o recheio que a tua imaginação desejar!




Batata recheada com brócolis, ricota e requeijão


Batata recheada com queijo cheddar e bacon frito



 Um excelente Dia das Crianças às crianças deste nosso Brasil! 


 Bom feriado e bom apetite!


Fotos: reprodução e arquivo pessoal



sexta-feira, 7 de outubro de 2011

Dica de lugar e gourmet: Inhotim!

   Você já ouviu falar no INHOTIM

  O maravilhoso Instituto de Arte Inhotim foi idealizado na década de 1980. Em 1984, o local recebeu a visita do renomado paisagista Burle Marx, que apresentou algumas sugestões e colaborações para os jardins. Desde então, o projeto paisagístico cresceu e passou por várias modificações.  A propriedade particular foi se transformando com o tempo. Começava a nascer um grande espaço cultural, com a construção das primeiras edificações destinadas a receber obras de arte contemporânea. Ganhava vida também o rico acervo botânico, consolidado a partir de 2005 com o resgate e a introdução de coleções botânicas de diferentes partes do Brasil e com foco nas espécies nativas. Em 2002 foi fundado o Instituto Cultural Inhotim, instituição sem fins lucrativos, destinada à conservação, exposição e produção de trabalhos contemporâneos de arte e que também desenvolve ações educativas e sociais.

  O instituto está localizado no município de Brumadinho, no Estado de Minas Gerais, a mais ou menos 70km da capital mineira, Belo Horizonte. Eu tive a oportunidade de conhecer esta beleza em março deste ano. Vocês podem ter uma idéia pelas fotos abaixo, mas só pessoalmente verão a grandiosidade e beleza de lugar, principalmente o acervo botânico, as várias espécies de plantas, que maravilha!! O lugar é cheio de turistas brasileiros e principalmente estrangeiros de várias partes do mundo que ficam maravilhados com o instituto!

  Após conhecer as exposições e galerias dos trabalhos e artes, tem as lojinhas com peças feitas com materiais recicláveis, madeira, sempre preservando o meio ambiente. Mas antes de chegar nas lojinhas, fiz uma pausa para saborear a comida mineira de um dos restaurantes deliciosos que o Inhotim tem, claro! E o restaurante é o Oiticica, uma experiência para o paladar. Restaurante a kilo, mas de uma variedade e qualidade excelente! 

   Vejam algumas fotos!


  A imponente árvore do Tamboril! Na foto não se vê tão grande, mas pessoalmente é incrível! A árvore e um pouco da vegetação do Inhotim 


  Algumas das artes do lugar...


O delicioso e bonito restaurante Oiticica


Outras artes do lugar...


Mais artes... Adorei estes fuscas coloridos! A foto do quadrinho abaixo, à esquerda é a "Cosmococa", a galeria de arte que mais gostei, com salas interativas, muuuuito legal! E a última fotinho é de uma linda borboleta azul que persegui a até conseguir tirar a foto, ufa! ;)



  Em homenagem ao Tamboril, importante, imponente e MARAVILHOSA árvore do parque, este objeto de mesa em aço, propõe que cada pessoa levanta sua árvore, torce os galhos e personaliza seu próprio Tamboril. Já que eu não posso ter uma árvore do Tamboril na minha casa, comprei este mimo, fora outras coisinhas lindas que tem por lá!
  


   Vale muito a pena conhecer! Quando for a Belo Horizonte, vá fazer este pelo passeio em Brumadinho, tenho certeza que não irá se arrepender!

    Para conhecer mais sobre o Inhotim clique aqui! 
   Fotos: arquivo pessoal

Steak tartare!

 Quem gosta... não gosta... AMA! O steak tartare é um prato feito de carne crua moída ou picada. Geralmente é servido com cebola, alcaparras, molho inglês e gema de ovo crua. Ééééé!!! Crua, sí Señor
  
 Conta a lenda popular que o prato é nomeado após o nômade Tatar povo da Ásia Central que comiam a carne crua enquanto cavalgavam seus cavalos, porque não tinham tempo para parar e cozinhar.  O primeiro a ser servido foi em restaurantes franceses no início do século 20. O que hoje é geralmente conhecido como "steak tartare" era então chamado boeuf à l'Americaine.  O steak tartare é considerado um prato gourmet e popular em vários países da Europa, no Japão e outros países. E, aqui no Brasil, podemos encontrar em alguns restaurantes, inclusive em bares. 

Ingredientes usados


  A preocupação com a saúde reduziu a popularidade deste prato em várias partes do mundo, por causa do perigo da contaminação de bactérias, porém quando as regras básicas de higiene são seguidas e a carne é fresca e se boa qualidade, o risco é mínimo. 
  
 Este prato, no entanto, não é recomendado para pessoas que têm um enfraquecimento do sistema imunológico ou sofrem de alguma doença crônica. Estas pessoas tem um maior risco de infecção. Mas se você não tem problemas de saúde, anima a fazer? Pode perguntar pra quem já comeu, é uma delícia! 

 E você que ainda não provou, vamos colocar a mão na massa?!

Steak tartare

500 g de carne moída (fresca e de excelente qualidade)
4 cebolas brancas
1 dente de alho
1/2 maço de salsinha
3 gemas de ovo
1 colher (sopa) de alcaparras
1 colher (sopa) de mostarda
1 colher (sopa) de creme de leite
2 colheres (chá) de molho de Worcestershire (molho inglês)
1 colher (chá) de Tabasco
ketchup a gosto
sal e pimenta de moedor a gosto

  Preparando o steak tartare: Pique a salsa, a cebola, o dente de alhoEm uma tigela, coloque a carne moída e os demais ingredientesmisture bem. Adicione o ketchup e mexa para obter uma consistência suave. Deixe repousar por 20 minutos na geladeira para que todos os sabores se misturem. Monte o prato, adicione em volta fatias de tomate, picles de pepino e as gemas de ovo por cima (de modo que fiquem intactas), fazendo uma cúpula no centro steak tartaresirva imediatamenteFinalmente, saborize a gosto com sal e pimenta por cima do prato. Você pode servir com chips de batata ou rodelas de pão de centeio. Esta receita serve 04 pessoas.


  Algumas opções de como servir...

  

  Esta é a clássica apresentação, com a gema de ovo no centro 
e os acompanhamentos em volta do tartare.



  Você também pode servir em bowls como este, por exemplo...

  


  Bon appétit! 




 Fotos: reprodução e arquivo pessoal







segunda-feira, 31 de outubro de 2011

31 de outubro - Dia de Halloween ou do Saci Pererê?!

Hoje comemora-se os dois dias! O de Halloween nos Estados Unidos e o dia do Saci-Pererê aqui no Brasil! 

Saci-Pererê & Halloween Pumpkins


 O Saci-pererê é um dos personagens mais populares do folclore brasileiro! Provavelmente, surgiu entre povos indígenas da região Sul do Brasil, ainda durante o período colonial (possivelmente no final do século XVIII). Nesta época, era representado por um menino indígena de cor morena e com um rabo, que vivia aprontando travessuras na floresta. Porém, ao migrar para o norte do país, o mito e o personagem sofreram modificações ao receberem influências da cultura africana. O Saci transformou-se num  jovem negro com apenas uma perna, pois, de acordo com o mito, havia perdido a outra numa luta de capoeira. Passou a ser representado usando um gorro vermelho e um cachimbo, típico da cultura africana. Até os dias atuais ele é representado desta forma. 

  O comportamento é a marca registrada deste personagem folclórico. Muito divertido e brincalhão, o saci passa todo tempo aprontando travessuras na matas e nas casas. Assusta viajantes, esconde objetos domésticos, emite ruídos, assusta cavalos e bois no pasto etc. Apesar das brincadeiras, não pratica atitudes com o objetivo de prejudicar alguém ou fazer o mal. Diz o mito que ele se desloca dentro de redemoinhos de vento, e para captura-lo é necessário jogar uma peneira sobre ele. Após o feito, deve-se tirar o gorro e prender o saci dentro de uma garrafa. Somente desta forma ele irá obedecer seu “proprietário”. Mas, de acordo com o mito, o saci não é voltado apenas para brincadeiras. Ele é um importante conhecedor das ervas da floresta, da fabricação de chás e medicamentos feitos com plantas. Ele controla e guarda os segredos e todos estes conhecimentos. Aqueles que penetram nas florestas em busca destas ervas, devem, de acordo com a mitologia, pedir sua autorização. Caso contrário, se transformará em mais uma vítima de suas travessuras. A crença neste personagem ainda é muito forte na região interior do Brasil. Em volta das fogueiras, os mais velhos contam suas experiências com o saci aos mais novos. Através da cultura oral, o mito vai se perpetuando. Porém, o personagem chegou aos grandes centros urbanos através da literatura, da televisão e das histórias em quadrinhos. 

 Quem primeiro retratou o personagem, de forma brilhante na literatura infantil, foi o escritor Monteiro Lobato. Nas histórias do Sítio do Pica-Pau Amarelo, o saci aparece constantemente. Ele vive aprontando com os personagens do sítio. A lenda se espalhou por todo o Brasil quando as histórias do escritor Monteiro Lobato ganharam as telas da televisão, transformando-se em seriado, transmitido no começo da década de 1950. Quando minha irmã e eu éramos pequenas, adorávamos ver o seriado na TV e ler as historinhas, eu achava que o tal do Saci que só tinha uma perna existia e ficava com medo quando chegava perto de alguma floresta ou bosque! Ahhh, saudades da velha infância, da nossa inocência! ;) 


 O saci também aparece em várias momentos das histórias em quadrinhos do personagem Chico Bento, de Maurício de Souza. Com o objetivo de diminuir a importância da comemoração do Halloween no Brasil, foi criado em caráter nacional, em 2005, o Dia do Saci ( 31 de outubro). Uma forma de valorizar mais o folclore nacional.


  

  Trick or treat? Doces ou travessuras?

  O Halloween (também conhecido como Dia das Bruxas) é uma contração de All Hallows Eve - véspera de todos os mortos, que é o Dia de Todos os Santos, comemorado em 01 de novembro, um dia antes do Finados. Mais popular nos países do hemisfério norte, o dia das Bruxas chegou aos Estados Unidos em 1840, por imigrantes irlandeses que fugiam das péssimas condições em que se encontrava o país.

  Apesar do aspecto meio fúnebre, dos morcegos, aranhas, bruxas, abóboras com expressões macabras, nem tudo nesta data é tão assustador assim. Pelo menos, para as crianças! É que no dias das bruxas, elas costumam brincar de “doces ou travessura”. Fantasiadas,  batem de porta em porta dizendo  a seguinte frase “doçura ou travessura?”.  Se a pessoa responder "doce", as crianças ganham balas, chocolates, pirulitos. Se responderem "travessura", as crianças pregam uma peça.

   Não curto festejar o "Dia das Bruxas", prefiro ficar com os docinhos deliciosos! Gosto é gosto, e cada um tem o seu! ;) E vocês, o que preferem???


Halloween cupcakes


Beijos temperados!

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Mini pancakes!

   Oi gente!

  Hoje o meu café-da-manhã foi especial, fiz essas mini pancakes deliciosas! Que tal aprender a prepará-las para saborear no teu breakfast ou no lanche da tarde??? Estas pequenas panquecas são ideais para os aventureiros de primeira viagem! Para acompanhar, banana com canela, tudo banhado com cranberry syrup! Hummmmm tudo de bom!





 Mini pancakes


 Para a massa: 

 150g de farinha de trigo
 01 colher (sopa) de fermento em pó
 03 pitadas de sal
 01 ovo
 150ml de leite
 30g de açúcar
 manteiga ou margarina para untar
1/2 colher (chá) de canela em pó
1/4 colher (chá) de noz moscada


 Acompanhamento de banana com canela:

 02 bananas pratas em cubos (ou 1 1/2 xícara de chá)
 1/2 colher (chá) de canela em pó
 1/4 colher (chá) de noz moscada
 1/2 xícara (chá) de açúcar
 01 colher (sopa) de manteiga ou margarina

 Para banhar: Cranberry Syrup (xarope canadense)

Este foi o que usei


Preparando a massa: peneire a farinha, o fermento, o sal, a canela e a noz moscada num bowl (tigela) grande. Junte o açúcar, misture com uma colher de pau e reserve. Em outra tigela quebre o ovo, acrescente leite e bata com um batedor manual. Despeje a mistura de leite e ovo à mistura da farinha e misture bem com uma colher de pau. Em fogo baixo, coloque em uma frigideira anti-aderente (tefal) o suficiente de manteiga para untar o fundo. Quando começar a borbulhar prepare as panquecas! Encha 1 concha pequena (dessas que usam para feijão) com a massa e despeje na frigideira. Frite as panquecas por + ou  - 1 minuto ou até a parte de baixo dourar. Frite de um lado e de outro, mas sempre com muita atenção para não queimarem. Use uma espátula para virar e retirar as panquecas. Faça o mesmo com o resto da massa. A medida que ficarem prontas, coloque-as em um prato. Em seguida prepare o acompanhamento.

Preparando o acompanhamento de banana com canela: em uma panela pequena coloque os cubos de banana, o açúcar, a canela, a noz moscada e a manteiga. Misture delicadamente com uma colher de pau e deixe cozinhar em fogo baixo por uns 2 minutos ou até que o açúcar se derreta e as bananas tomem uma cor mais acentuada que o natural. Está pronto!

Dica para servir: disponha algumas panquecas sobre um prato, coloque um pouco do acompanhamento de banana, polvilhe um pouco de canela em pó por cima e derrame um pouco do cranberry syrup por cima das panquecas! Este xarope você encontra nessas casas de produtos importados, se não encontrar, pode usar mel de abelha. Se preferir, no lugar de bananas com canela, faça maçãs com canela, fica uma delícia também! Rendem 08 panquecas.





   Beijos temperados e bom apetite!!!

  Fotos: arquivo pessoal


terça-feira, 25 de outubro de 2011

Jujubas!!!

  Jujuba - também conhecida como bala de goma faz sucesso com as crianças e com muitos adultos também! Eu adooooooro jujuba, inclusive um amigo me apelidou assim por eu gostar tanto dessa guloseima! 




  Que tal aprender a fazer jujubas coloridas e caseiras?! 

 Jujubas coloridas

 03 envelopes de gelatina sem sabor (35 gramas)
 01 caixa de gelatina com sabor (85 gramas)
 01 kg de açúcar cristal
 02 copos de água
 01 colher (sobremesa) de essência do mesmo sabor da gelatina

 Preparando as jujubas: Dissolva a gelatina sem sabor em 02 copos de água (temperatura ambiente), acrescente a gelatina com sabor e mexa até dissolver. Leve ao fogo por 01 minuto, mexendo sempre. Em seguida, acrescente o açúcar e mexa para dissolver bem. Coloque a essência e mexa até levantar fervura. Despeje a "calda" em um pirex untado com um pouco de óleo. Deixe descansar por 24 horas fora da geladeira. Corte as balas em cubinhos e passe no açúcar cristal. Guarde as balas por 03 dias antes de consumir, esse período é necessário para que a bala adquira mais consistência. Se preferir dar um formato especial às jujubas, despeje a calda em um pirex raso untado com óleo e com um aro de metal (pequeno) do formato que quiser, corte as balas. Existem vários formatos: coração, ursinho, lua, estrela, etc. 


  Ótima dica para colocar na sacola de lembrancinhas ou para enfeitar as mesas nas festas das crianças. As de coração, além de fofas, servem para decorar seu chá de panela, chá de lingerie, chá com as amigas. Podem até serem usadas como lembrancinha de casamento como muitas noivas tem aderido. Aí é só usar a criatividade e escolher a embalagem que combine com o estilo da festa, podem ser latinhas, garrafinhas, caixinhas de vidro, etc.


Jujubas de coração




Delíiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiicia! 




sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Trufas de Ovomaltine!

 Para comemorar o Dia Internacional do Chef que foi ontem, nada melhor que um doce,  melhor dizendo, uma receitinha doce! ;)

 Que tal umas trufas de Ovomaltine??? Hummmmmmmm, são uma delíiiiiiiiiicia! Anotem e façam!



 Trufas de Ovomaltine 

675g de chocolate meio amargo
330g de creme de leite fresco
45g de glucose
12ml de rum
375g de Ovomaltine 
750g de chocolate meio amargo derretido (banho-maria) para banhar
quantidade necessária de Ovomaltine para decorar 

Preparando as trufas: em banho-maria derreta o chocolate meio amargo. Em uma panela aqueça o creme de leite com a glucose e, em seguida, misture o chocolate derretido até ficar uma mistura homogênea. Adicione o rum e o Ovomaltine e misture novamente. Despeje tudo em um bowl e leve à geladeira por 4 horas para atingir consistência adequada. Retire, molde as trufas em formato de bolinhas, banhe-as no chocolate meio amargo derretido e passe pelo Ovomaltine para decorar. Se você não gostar de rum, pode trocar pelo licor de sua preferência. Rende de 90 a 100 unidades de 25g cada. Validade de 15 dias em temperatura ambiente.




  Enjoy it!!!

 Fotos: reprodução

Dia Internacional do Chef!

 Parabéns a todos os colegas Chef de Cozinha e os aspirantes a Chef!
20 de outubro - Dia Internacional do Chef de Cozinha! 

 Agradeço a Deus, por ter me dado este dom, que tenho desde pequena, embora ter descoberto anos depois que poderia levar a sério como minha profissão! 

Que Ele abençoe nossas mãos, que são nossos instrumentos de cada dia, para que possamos fazer e criar comidas gostosas, sempre! E para que possamos colher no futuro, o que plantamos no presente!


Felicidades aos Chef's do mundo inteiro! 


 E viva a cozinha internacionalllllllll!!!

Beijos temperados, Anahy

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Temperos milagrosos!


   Quer acelerar o emagrecimento??? ;)

 Então aposte no orégano, pimenta-caiena, anis-estrelado, salsa, cúrcuma e canela, estas ervas e especiarias aceleraram os resultados na balança. Elas também acrescentam sabor às saladas, sopas, chás e molhos!

 Se a dieta está lenta e sem graça, capriche no tempero! Há várias opções de ervas e especiarias que, além de deixar os pratos mais saborosos, agitam o metabolismo, aumentando a queima de gordura. Também combatem a inflamação no organismo diminuindo a resistência à perda de peso. Tem mais: quando você coloca essa turma no prato tende a usar menos sal, o que reduz a retenção de líquido – outro ponto a favor de um corpo enxuto. A nutricionista e fitoterapeuta Lucyanna Kalluf, autora do livro Fitoterapia Funcional, orienta como usá-los para deixar o cardápio mais gostoso e você feliz com o resultado da dieta!

 Vamos aprender como usá-los?!

  Orégano



 Tem o poder de estimular a produção de enzimas responsáveis pela digestão dos carboidratos (pão, batata, pizza...), além de funcionar como um tônico digestivo. Também é antioxidante e levemente diurético. Sugestão de uso: pode ser polvilhado em massa, molho, sopa. Também dá para acrescentar no suco: bata 1 colher (chá) de orégano com 1 copo/200 ml de melancia ou fazer o chá: ferva 1 copo/200 ml de água e junte 1 colher (café) de orégano. Deixe descansar por 5 minutos e coe.



 Pimenta-caiena






 Supera a pimenta vermelha em capsaicina – substância que sacia, agita o metabolismo e melhora a circulação. Ou seja, a caiena reduz a fome, acelera a queima de calorias e ajuda a eliminar toxinas. Tem ação antioxidante e anti-inflamatória. Sugestões de uso:  dilua 1/2 colher (café) de pimenta-caiena em pó em 1 colher (sopa) de azeite para temperar a salada. No suco, misture água de coco (200 ml), suco de 1 limão, 2 colher (chá) de mel e 1/2 colher (café) de caiena.


 Anis-Estrelado







 Mesmo comendo pouco, você sente o estômago pesado? Isso complica qualquer dieta, mas o anis pode ser um aliado. Com substâncias que estimulam as glândulas e a musculatura do tubo digestivo, ele aumenta a produção de saliva e os movimentos peristálticos,  aliviando o peso no estômago. Sugestão de uso:  prepare um chá com erva-doce, gengibre, camomila  e hortelã. Coe e acrescente 1 anis-estrelado. Beba 15 minutos antes das refeições.


Salsa







 Tem efeito diurético (especialmente na forma de chá), ajudando a reduzir a formação de gases e o inchaço abdominal. Ainda contém substâncias que favorecem a digestão, limpam o fígado e livram o organismo das toxinas. Sugestão de uso: suco desintoxicante feito com 1 xíc. de chá de hibiscus: use 2 colheres (chá) da erva, 1 maçã pequena e 1 colher (sobremesa) de salsa picada. Bata no liquidificador e adoce com mel. Ou, simplesmente, polvilhe a salsa na omelete, na salada,  na sopa.


 Cúrcuma






 Essa raiz (conhecida como açafrão-da-terra) diminui a irrigação sanguínea no tecido adiposo, enfraquecendo a reserva de gordura. E, por ser rica  em curcumina – pigmento amarelo-ouro com alto poder anti-inflamatório e antioxidante –, faz bem para a pele, protege o fígado, facilita a digestão das proteínas e regula o metabolismo. Sugestão de uso: polvilhe 1 colher (chá) de cúrcuma em pó na comida pronta ou dissolva-a em 1 colher (sopa) de azeite para temperar a salada.


 Canela






 Capaz de amansar a fome, especialmente por doce, ajuda você consumir menos calorias ao longo do dia. Já as substâncias antioxidantes e anti-inflamatórias da canela melhoram o metabolismo da gordura. Também reduz os níveis de insulina – hormônio que, em excesso, aumenta a gordura no abdômen. Sugestão de uso: faça uma 1 xíc. de chá de maçã com canela em pau e beba 15 minutos antes das refeições. No café da manhã, polvilhe 1 colher (café) de canela em pó no leite desnatado ou de soja. 


 Gostou das dicas?! Então que tal acrescentar estas especiarias nos teus pratos do dia-a-dia?!




 Bjus temperados!


segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Wrap mexicano!


 Se você gosta de comidas apimentadas, que tal fazer este wrap mexicano?! Prepare em casa este delicioso e versátil wrap, que em geral, tem feito sucesso nas lanchonetes e experimente ousar nos recheios, que são pra lá de saborosos. Use o pão folha ou tortilha. 

 Vamos lá! 

Wraps com recheios variados


Eu indico o Rap 10, é  bom e prático


 Wrap mexicano

10 pão folha ou tortilha (use o Rap 10, tem normal, light, integral)
200g de frango cozido e desfiado (ou em cubos) temperado com sal
10 fatias de queijo cheddar processado
folhas de alface americana cortada em tiras finas


Molho de tomate mexicano

01 dente de alho
azeite de oliva
01 lata de tomate pelado
sal a gosto
01 colher (sopa) orégano
01 pitada de açúcar
pimenta chili ou tabasco a gosto
02 tomates cortados em cubos 

Preparando o molho de tomate mexicano: em uma frigideira refogue 1 dente de alho em um fio de azeite até começar a soltar o aroma, 1 lata de tomate pelado, sal a gosto1 colher de sopa de orégano1 pitada de açúcar para quebrar a acidez e pimenta o quanto você achar que aguenta. O gostoso é usar chilli em pó, mas você pode usar tabasco. Em fogo baixo, conte mais 5 minutos após começar a borbulhar e na metade desse tempo acrescente os 2 tomates cortados em cubos. É rápido, pois a idéia é que dê para identificar os pedaços do tomate.

Preparando o wrap: em uma frigideira ou chapa (sem óleo), aqueça o pão folha ou tortilha aproximadamente por 30 segundos de cada lado. Não deixe que resseque para não perder a maleabilidade. Coloque-a sobre um prato e recheie com o queijo cheddar processado (1 ou 2 colheres de sopa) e 2 colheres (sopa) do frango desfiado. Em seguida acrescente um pouco do molho de tomate mexicano e a alface em tirinhas, deixando sempre alguns centímetros da extremidade do início da tortilha e alguns centímetros antes da extremidade oposta - sem recheio, para que na hora de enrolar não vire uma lambança. Enrole o wrap delicadamente, e caso prefira, corte em 2 partes fazendo um corte na diagonal e sirva. Faça o mesmo procedimento com todas as folhas de pão ou tortilha restantes.

Inove nos recheios! Fica uma delíiiiiiiiiicia!



Bom apetite! 


Fotos: reprodução e arquivo pessoal

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Feliz Dia das Crianças!


  Hoje é um dia muito especial em nosso país. Dia da padroeira do Brasil, Nossa Senhora de Aparecida e o Dia das Crianças! Comemoração dupla! 


Bebês fofos!
                       
  

 "Ser criança é sempre ver o lado positivo da vida.
É ter a imaginação fértil, gostar de ver TV, correr, brincar, dançar! Ser criança é não se preocupar com o dia seguinte, é não ter contas para pagar. Ser criança é criar um mundo só seu, sem defeitos, com muitos doce e bichinhos de estimação. Ser criança é chegar do colégio e jogar as meias e a mochila em qualquer lugar e não se importar muito com a bronca dos pais. Ser criança é comer pipoca, é levantar tarde, é lambuzar a cara comendo chocolate, é tirar meleca do nariz sem se importar com ninguém, é falar errado, é rir, rir alto, é cantar, é ver o céu sempre azul, é estar sempre com as roupas sujas, é querer comer sempre no McDonald´s, é viver cada minutinho de sua vida aproveitando o que ela tem de melhor. Ser criança é ter medo do bicho-papão, é correr brincando de pique-esconde e se esconder atrás das portas, é pular amarelinha, é esperar pelo presente do Papai Noel... ser criança, é uma brincadeira sem fim. Ser criança, é depois de um dia atarefado, deitar no colinho do papai e da mamãe e dormir como um anjinho, tendo a certeza de que eles sempre estarão ali do seu lado, para protegê-la e amá-la e acreditar que o outro dia será sempre melhor que o anterior."


  Uma homenagem às crianças do mundo inteiro!


   Que Deus e Nossa Senhora de Aparecida abençoem sempre as crianças, não só do nosso Brasil, mas as do mundo inteiro e principalmente aquelas que mais precisam de carinho, de um lar, de uma família!

 Feliz Dia das Crianças! E que Nossa Senhora de Aparecida continue abençoando este nosso Brasil!




 Fotos: reprodução e arquivo pessoal

terça-feira, 11 de outubro de 2011

Batata assada recheada!

   
  Sabe aquela batata assada recheada que comemos naqueles restaurantes típicos americanos?! Nham nhammmm! Eu adoooooooooro e sei que a maioria de vocês também gostam!

Batata assada recheada



  Para comer "sem culpa", somente a batata com um prato principal (batata grande), a batata como entrada (se for média) ou servindo de acompanhamento! Só de pensar dá água na boca, eu adoro comer com uma costela de porco assada ao molho barbecue! Hummmmm delícia!!!


Costela de porco assada ao barbecue
  
 Vamos aprender a fazer a batata?!




 Batata assada recheada


04 batatas grandes
04 colheres (chá) de azeite de oliva
06 colheres (sopa) de requeijão ou queijo cremoso
04 colheres (sopa) de ricota peneirada
200g de brócolis cozido ao vapor (somente as flores picadinhas)
sal e pimenta moída a gosto


Preparando as batatas: Misture o requeijão, a ricota, o brócolis, pimenta e sal, e reserve. Lave bem as batatas com casca. Com um garfo, faça furos por toda a superfície. Unte-as com o azeite e asse diretamente sobre a grelha do forno ou sobre um tabuleiro, em forno preaquecido até ficarem macias. Retire do forno e corte no sentido do comprimento da batata, fazendo um corte em forma de uma cruaz, deixando um pedaço de cada lado sem cortar. Com um papel toalha em cada uma das mãos, segure as pontas das batatas e aperte-as suavemente, isso fará com que as batatas se abram facilitando o recheio. Recheie com a mistura reservada acima e sirva! Rende 04 porções. Sugestão de recheios: queijo cheddar com bacon fritos em cubinhos, strogonoff de carne ou com o recheio que a tua imaginação desejar!




Batata recheada com brócolis, ricota e requeijão


Batata recheada com queijo cheddar e bacon frito



 Um excelente Dia das Crianças às crianças deste nosso Brasil! 


 Bom feriado e bom apetite!


Fotos: reprodução e arquivo pessoal



sexta-feira, 7 de outubro de 2011

Dica de lugar e gourmet: Inhotim!

   Você já ouviu falar no INHOTIM

  O maravilhoso Instituto de Arte Inhotim foi idealizado na década de 1980. Em 1984, o local recebeu a visita do renomado paisagista Burle Marx, que apresentou algumas sugestões e colaborações para os jardins. Desde então, o projeto paisagístico cresceu e passou por várias modificações.  A propriedade particular foi se transformando com o tempo. Começava a nascer um grande espaço cultural, com a construção das primeiras edificações destinadas a receber obras de arte contemporânea. Ganhava vida também o rico acervo botânico, consolidado a partir de 2005 com o resgate e a introdução de coleções botânicas de diferentes partes do Brasil e com foco nas espécies nativas. Em 2002 foi fundado o Instituto Cultural Inhotim, instituição sem fins lucrativos, destinada à conservação, exposição e produção de trabalhos contemporâneos de arte e que também desenvolve ações educativas e sociais.

  O instituto está localizado no município de Brumadinho, no Estado de Minas Gerais, a mais ou menos 70km da capital mineira, Belo Horizonte. Eu tive a oportunidade de conhecer esta beleza em março deste ano. Vocês podem ter uma idéia pelas fotos abaixo, mas só pessoalmente verão a grandiosidade e beleza de lugar, principalmente o acervo botânico, as várias espécies de plantas, que maravilha!! O lugar é cheio de turistas brasileiros e principalmente estrangeiros de várias partes do mundo que ficam maravilhados com o instituto!

  Após conhecer as exposições e galerias dos trabalhos e artes, tem as lojinhas com peças feitas com materiais recicláveis, madeira, sempre preservando o meio ambiente. Mas antes de chegar nas lojinhas, fiz uma pausa para saborear a comida mineira de um dos restaurantes deliciosos que o Inhotim tem, claro! E o restaurante é o Oiticica, uma experiência para o paladar. Restaurante a kilo, mas de uma variedade e qualidade excelente! 

   Vejam algumas fotos!


  A imponente árvore do Tamboril! Na foto não se vê tão grande, mas pessoalmente é incrível! A árvore e um pouco da vegetação do Inhotim 


  Algumas das artes do lugar...


O delicioso e bonito restaurante Oiticica


Outras artes do lugar...


Mais artes... Adorei estes fuscas coloridos! A foto do quadrinho abaixo, à esquerda é a "Cosmococa", a galeria de arte que mais gostei, com salas interativas, muuuuito legal! E a última fotinho é de uma linda borboleta azul que persegui a até conseguir tirar a foto, ufa! ;)



  Em homenagem ao Tamboril, importante, imponente e MARAVILHOSA árvore do parque, este objeto de mesa em aço, propõe que cada pessoa levanta sua árvore, torce os galhos e personaliza seu próprio Tamboril. Já que eu não posso ter uma árvore do Tamboril na minha casa, comprei este mimo, fora outras coisinhas lindas que tem por lá!
  


   Vale muito a pena conhecer! Quando for a Belo Horizonte, vá fazer este pelo passeio em Brumadinho, tenho certeza que não irá se arrepender!

    Para conhecer mais sobre o Inhotim clique aqui! 
   Fotos: arquivo pessoal

Steak tartare!

 Quem gosta... não gosta... AMA! O steak tartare é um prato feito de carne crua moída ou picada. Geralmente é servido com cebola, alcaparras, molho inglês e gema de ovo crua. Ééééé!!! Crua, sí Señor
  
 Conta a lenda popular que o prato é nomeado após o nômade Tatar povo da Ásia Central que comiam a carne crua enquanto cavalgavam seus cavalos, porque não tinham tempo para parar e cozinhar.  O primeiro a ser servido foi em restaurantes franceses no início do século 20. O que hoje é geralmente conhecido como "steak tartare" era então chamado boeuf à l'Americaine.  O steak tartare é considerado um prato gourmet e popular em vários países da Europa, no Japão e outros países. E, aqui no Brasil, podemos encontrar em alguns restaurantes, inclusive em bares. 

Ingredientes usados


  A preocupação com a saúde reduziu a popularidade deste prato em várias partes do mundo, por causa do perigo da contaminação de bactérias, porém quando as regras básicas de higiene são seguidas e a carne é fresca e se boa qualidade, o risco é mínimo. 
  
 Este prato, no entanto, não é recomendado para pessoas que têm um enfraquecimento do sistema imunológico ou sofrem de alguma doença crônica. Estas pessoas tem um maior risco de infecção. Mas se você não tem problemas de saúde, anima a fazer? Pode perguntar pra quem já comeu, é uma delícia! 

 E você que ainda não provou, vamos colocar a mão na massa?!

Steak tartare

500 g de carne moída (fresca e de excelente qualidade)
4 cebolas brancas
1 dente de alho
1/2 maço de salsinha
3 gemas de ovo
1 colher (sopa) de alcaparras
1 colher (sopa) de mostarda
1 colher (sopa) de creme de leite
2 colheres (chá) de molho de Worcestershire (molho inglês)
1 colher (chá) de Tabasco
ketchup a gosto
sal e pimenta de moedor a gosto

  Preparando o steak tartare: Pique a salsa, a cebola, o dente de alhoEm uma tigela, coloque a carne moída e os demais ingredientesmisture bem. Adicione o ketchup e mexa para obter uma consistência suave. Deixe repousar por 20 minutos na geladeira para que todos os sabores se misturem. Monte o prato, adicione em volta fatias de tomate, picles de pepino e as gemas de ovo por cima (de modo que fiquem intactas), fazendo uma cúpula no centro steak tartaresirva imediatamenteFinalmente, saborize a gosto com sal e pimenta por cima do prato. Você pode servir com chips de batata ou rodelas de pão de centeio. Esta receita serve 04 pessoas.


  Algumas opções de como servir...

  

  Esta é a clássica apresentação, com a gema de ovo no centro 
e os acompanhamentos em volta do tartare.



  Você também pode servir em bowls como este, por exemplo...

  


  Bon appétit! 




 Fotos: reprodução e arquivo pessoal







Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...